Tipos de Visto para Portugal

Tipos de Visto para Portugal:

Visto de Estudo ou Estágio 

O primeiro passo para imigrar para Portugal nesta modalidade é o estudante ter o comprovante de matrícula ou o “termo de aceite” da universidade. Se você não quiser fazer todo o curso fora, é possível fazer um intercâmbio durante a faculdade, o programa se chama Erasmus e diversas universidades brasileiras têm parceria com as instituições portuguesas, normalmente o programa tem duração de um semestre.
Como o idioma é o mesmo, é super fácil a adaptação. Também é possível fazer um MBA, Mestrado e Doutorado com esse tipo de visto.
É preciso comprovativos de renda, e mostrar que você tem como se manter em Portugal durante seus estudos. Também é necessário um passaporte com validade superior ao período de sua estada no país.

Visto de Trabalho 
Para um profissional brasileiro trabalhar em Portugal (ainda morando no Brasil) é necessário uma carta convite da empresa em que foi selecionado no processo seletivo.
A empresa precisa fazer a divulgação pública da vaga e se após 30 dias nenhum residente português for selecionado é feito o convite/contrato de trabalho para o profissional estrangeiro.
Com essa carta em mãos, consegue solicitar o visto de trabalho para Portugal no consulado português mais próximo da sua casa. Veja o passo a passo completo de como conseguir o visto de trabalho para Portugal, que é sem dúvida o visto para Portugal mais cobiçado.

Visto Empreendedor
Abrindo um negócio/empresa em Portugal é possível conseguir o visto de empreendedor – D2. Ele pode ser solicitado ainda no Brasil ou já estando no país europeu.
É necessário meios de subsistência no país (como declaração do imposto de renda e extratos bancários), passaporte válido, certidão de antecedentes criminais, projeto de abertura da empresa e comprovativos de investimentos no país.

Startup Visa
O Governo de Portugal anunciou um novo tipo de visto para 2018, focado em pessoas que tenham ideias inovadoras e startups já existentes no Brasil que queiram mudar para o país.
A ideia desse visto é atrair empresas que tenham potencial para atingir um valor de 350 mil euros em três anos ou um volume de negócios superior a 500 mil euros/ano. Além disso, é preciso prestar serviços ou ter produtos inovadores. Venha o guia completo do Startup Visa Portugal.

Golden Visa
O Golden Visa é um programa que concede vistos para pessoas que invistam uma boa quantidade de dinheiro no país.
O visto é cedido com maior frequência na aquisição de imóveis com valor superior a 500 mil euros. Existem diversas outra maneiras de se aplicar para o Golden Visa, que você pode conferir no guia atualizado do Golden Visa Portugal.

Visto de rendas próprias (Visto D7)
Quem procura Portugal depois de se aposentar, busca qualidade de vida. O país concede vistos para aposentados de todo o mundo que tenham rendimentos suficientes e que consigam se manter no país com sua própria aposentadoria, aplicações financeiras ou rendimentos de bens e imóveis. O valor mínimo da aposentadoria deve ser o salário mínimo vigente no país €557.
Os familiares que vierem junto para Portugal entram como Agrupamento Familiar em todos os tipos de vistos. Para isso é preciso comprovar que tem condições financeiras de ter dependentes, e dar entrada no processo no SEF.

Imigração em Portugal

Fonte: Eurodicas

 

Dupla-nacionalidade: Cidadania Portuguesa

Visto de Investidor em Portugal

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,